segunda-feira, 27 de Outubro de 2014

As capas dos jornais de hoje e como se branqueia um roubo...


Como já tinha dito ontem, estava curioso para saber como seriam as capas de hoje. Depois de um jogo onde houve duas expulsões perdoadas (uma delas aconteceu depois dos 90 minutos, quando devia ter ocorrido ainda a meio da primeira parte), e um penalti claro por assinalar (houve outro contra o Benfica, em que o jogador que sofreu falta estava um metro fora de jogo, por isso, desculpem lá, mas não conta).


A Bola, depois da capa revoltadíssima dedicada ao jogo do Sporting na Alemanha, não mostrou sequer qualquer indício que algo de errado aconteceu.

O Record apenas menciona que JJ falou num penalti sobre Gaitan.

O Jogo ainda vai mais longe, mostrando que ambos foram igualmente prejudicados por dois penaltis por assinalar. 


E pronto, é este o jornalismo isento e de qualidade que temos no mundo do futebol. Depois os jornalistas ficam muito ofendidos se alguém lhes faz críticas relacionadas com a ética do seu trabalho. Badamerda para eles! Quem tem uma visão parcial sobre os vários clubes, com tratamentos diferentes, não está a fazer um bom trabalho. Por mais que eles se escondam por detrás da sua suposta "independência"...


PS: este post não procura branquear o futebol jogado ontem, que como referi no meu post a seguir ao jogo, não foi o suficiente para sairmos de lá com a vitória. O empate seria merecido. Mas a verdade é que, com menos dois jogadores, o jogo teria sido muito diferente. 

domingo, 26 de Outubro de 2014

Justo?


Primeiro ponto: este jogo merecia ter ficado empatado.


O Benfica entrou forte e mandão, controlando facilmente o jogo. Com o golo do empate tudo mudou. O Braga ficou por cima, tendo aí estado até à entrada de Jonas. Tal como o primeiro golo, também o segundo foi contra a corrente. Mas o que interessa é que elas entraram, e tudo o resto são "peanurs"... Na parte final podíamos e devíamos ter empatado, mas a sorte, e a pontaria, não quiseram nada connosco.


A sorte não quis nada connosco, mas a verdade é que também devíamos ter feito mais para a merecer.


Estou curioso com as capas de amanhã... Depois de Danilo ter escapado da expulsão a meio da primeira parte, Ruben Micael, por agressão, a meio da segunda parte, e um penalti que toda a gente viu menos o árbitro, será que teremos capaa em grande estilo com revolta, vergonha, roubo, e afins? 


PS: sábias e verdadeiras as palavras do adjunto do Braga no final do jogo: "Hoje jogamos com 15..."

quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

Roubo! Escândalo! Revolta!


As capas dos desportivos do dia seguinte à final da Liga Europa deste ano bem podiam ser idênticas à de hoje. Mas curiosamente, ou não, a revolta dos nossos jornais desportivos, e agentes ligados ao futebol em geral, com um roubo de igreja, apenas acontece para alguns. Relembro os mais esquecidos que a final da Liga Europa ficou marcada por 3 penaltis não assinalados a nosso favor, que certamente teria mudado o rumo daquele jogo. 


PS: Não quero com isto menosprezar o roubo de que o Sporting foi alvo. Uma expulsão exagerada e um penalti daqueles que daria para rir, não fossem as consequências tão graves. Quanto ao tão propalado golo em fora-de-jogo, aí o exagero é nosso...


PS2: Curiosamente, por altura da final da Liga Europa, os penaltis que por aqui passaram em claro, foram história em Espanha... 

sábado, 18 de Outubro de 2014

Dizem que há um Porto-Sporting...


... mas o que me interessa mesmo é o Glorioso!

Começa hoje a festa do futebol, pelo menos para nós, já que as equipas das divisões anteriores já fizeram várias eliminatórias. Esta ida à Covilhã representa a essência do que é a taça. Ir aos campos das equipas mais pequenas, levando uma festa que apenas é possível ver na primeira Liga, à qual 95% dos clubes nunca chegará. 

Que seja uma festa bonita, e claro, com a vitória do Benfica!

Hoje teremos uma equipa um pouco diferente, mas com qualidade mais que suficiente para ganhar sem espinhas. Haja vontade! Ao contrário do que alguns dizem, não acredito que hoje joguem muitos jogadores da formação. Nem muitos nem poucos. Talvez durante o jogo algum entre. O Sp. da Covilhã não é nenhum papão, mas ainda assim é uma equipa da 2ª Liga.

Oportunidade para ver alguns dos menos utilizados, ver como Jonas funciona com o Derley, a evolução do Bebé e do Pizzi, e se Lisandro se assume como o par de Luisão.


A sem vergonhice e a fiha de putice do nosso futebol...


... tudo juntos numa só foto! Os meus parabéns ao fotógrafo!


sexta-feira, 3 de Outubro de 2014

quarta-feira, 1 de Outubro de 2014

Mau...


Muito mau...

A defesa a meter água. Júlio César a meter água. Cristante a meter água. O meio campo sem conseguir ter bola, e o ataque a vê-las passar, sem nunca ter a bola perto ou em condições mínimas.

A equipa nunca soube sair da pressão do Leverkussen, nem JJ soube dar a volta à situação. Começou mal lançando Cristante num jogo com esta dificuldade, onde teria toda a lógica reforçar o meio campo. Não o fez, e a equipa não se soube adaptar. Além disso, estando a defesa ainda bastante frágil, JJ deveria ter acautelado esta situação, dando menos hipóteses ao Leverkussen de ter tanta bola perto da nossa área, com as facilidades que se viram.

Foi muito mau. Ainda podíamos falar do árbitro, que falhou num lance capital, mas perante a ineficácia que revelámos, isso nem serve de desculpa. Foi uma derrota inapelável, que espero que seja alvo de uma profunda reflexão por parte de JJ, que foi quem hoje errou mais. Infelizmente, por muito que goste de Jardel e Eliseu, aqueles que eles substituíram eram melhores, e isso tem-se notado a léguas. 

O apuramento está cada vez mais longe, e mesmo o 3º lugar não é líquido. Bem sei que a prioridade deste ano é o campeonato. E concordo. O bicampeonato é fundamental. Mas escusamos de fazer estas figuras na Europa.  

Agora venha o Arouca, e não espero menos que uma resposta cabal da equipa perante esta péssima derrota. Mais que o jogo perdido, a exibição deixou-me verdadeiramente desgostoso.


PS: uma palavra para Luisão, que continua a ser verdadeiramente a alma desta equipa. Um capitão à altura do nosso clube!